Direito Global
blog

Tratamento de criança

O Ministério Público do Estado do Acre (MPAC) ingressou com uma medida de proteção para que o Estado do Acre forneça os medicamentos necessários ao tratamento de saúde de uma criança em Cruzeiro do Sul. Após o pedido, protocolado pelo promotor de Justiça Thalles Ferreira, a Justiça determinou que a Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre) viabilize o fornecimento mensal e contínuo dos remédios à criança.

A condição clínica da criança, que sofre da Síndrome do Intestino Curto, tem a agravante de os medicamentos necessários ao tratamento, Colestiramina, Glutamina e Arginina, não possuírem similares. A síndrome do Intestino Curto provoca má absorção de nutrientes e gera déficit das vitaminas A, D, K e B12. A falta dos medicamentos e de um tratamento adequado pode causar anemias, hiperqueratose, esquimoses, espasmos musculares, problemas de coagulação e dor óssea, entre outros prejuízos que podem ser irreparáveis.

clica