Direito Global
blog

Justiça sem Papel

O projeto Justiça sem Papel do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM), lançado no final de 2016 pela gestão do desembargador Flávio Pascarelli, vem apresentando resultados significativos que indicam economia de recursos e materiais, além de agilizar os serviços judiciais. Desde que começou, em dezembro do ano passado, foram emitidas 49.657 citações e intimações eletrônicas no 1º grau (por 82 Varas, Juizados e setores judiciais) e documentos no 2º grau. Se esta quantidade for multiplicada por R$ 15,00, que é o custo do envio de cada documento físico pelo correio, segundo o coordenador do projeto, juiz Roberto Taketomi, a economia no período foi de R$ 744.855,00 em função do envio por meio digital.

clica