Direito Global
blog

Sócio de Janot está solidário

O ex-procurador-geral da República e hoje advogado em Brasília, Rodrigo Janot negou hoje (28) que o seu sócio no escritório, Márcio Elias Rosa, tenha decidido romper a sociedade após a repercussão da sua entrevista à Veja onde ele informa que já foi armado ao Supremo Tribunal Federal (STF) com a intenção de matar o ministro Gilmar Mendes e depois se suicidar. O advogado paulista está solidário e a sociedade no escritório está firme, disse Janot.

clica