Direito Global
blog

Volume do aparelho

Será julgado hoje (6), no 2º Tribunal do Júri do Fórum Lafayette (MG), o homem acusado de ter assassinado a companheira, no Bairro Goiânia, região nordeste de Belo Horizonte, no Dia Internacional da Mulher deste ano. A sessão será presidida pela juíza Juliana Miranda Pagano.

De acordo com a denúncia do Ministério Público, na madrugada de 8 de março de 2019, uma sexta-feira, o casal estava assistindo televisão, quando o homem começou a discutir com a companheira porque estava incomodado com o volume do aparelho.

Após a discussão, ele foi até a cozinha e com uma faca golpeou o tórax da mulher. O acusado tentou fugir, sendo contido pelos filhos da vítima. A mulher foi encaminhada para o Hospital João XXIII, mas não resistiu aos ferimentos.

O Ministério Público será representado pelo promotor Francisco Santiago. A defesa do acusado será feita pelo defensor público Aender Braga.

clica