Direito Global
blog

Salomão afasta Darlan

O ministro Luis Felipe Salomão, do Superior Tribunal de Justiça, determinou o afastamento do cargo, por 180 dias, do desembargador Siro Darlan de Oliveira, do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro.

O magistrado foi denunciado à Corte pela Procuradoria-Geral da República (PGR) sob acusação de corrupção passiva. Ele é investigado por suspeita de ter recebido R$ 50 mil em troca de uma decisão judicial e por suspeita de envolvimento em esquema de venda de sentenças.

O ministro negou pedido de prisão contra o desembargador feito pela Polícia Federal, mas determinou a prisão temporária domiciliar de quatro pessoas, uma delas é o filho de Siro Darlan.

clica