Direito Global
blog Sem categoria

Eleição hoje em Macapá

A crise energética no Amapá adiou o calendário eleitoral da capital do estado, Macapá. Por isso, os cerca de 292.718 eleitores do município escolherão seus vereadores e prefeito somente hoje (6). Cerca de 20 dias depois do resto do País.  E caso ocorra o segundo turno, este será em 20 de dezembro.

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Amapá, Desembargador Rommel Araújo, falou sobre o primeiro turno na cidade. “As eleições em Macapá foram adiadas por questões de segurança. Principalmente a segurança do eleitor”, disse. O desembargador explicou que o TRE solicitou ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) o adiamento das eleições; entretanto, não foi somente esta a providência tomada.

Houve também um planejamento integrado das forças de Defesa para garantir a segurança das seções eleitorais da cidade e também um plano para garantir a votação, caso haja queda de energia. “Logo no início do apagão foi solicitado ao TSE baterias de emergência para as seções eleitorais do estado”, explicou Rommel. Foram fornecidas ao estado 1.200 baterias de emergência para assegurar o funcionamento das urnas eletrônicas das 703 seções eleitorais.

clica