Direito Global
blog

Ulisses: “Traidor da pátria”

Trecho do discurso proferido pelo então presidente da Assembléia Nacional Constituinte, Ulisses Guimarães,  na sessão de 5 de outubro de 1988, na promulgação da atual Constituição do pais:

“A Constituição certamente não é perfeita. Ela própria o confessa ao admitir a reforma. Quanto a ela, discordar, sim. Divergir, sim. Descumprir, jamais. Afrontá-la, nunca. Traidor da Constituição é traidor da Pátria. Conhecemos o caminho maldito. Rasgar a Constituição, trancar as portas do Parlamento, garrotear a liberdade, mandar os patriotas para a cadeia, o exílio e o cemitério”.

 

clica