Direito Global
blog

Morre advogado Renato de Moraes

Um dos mais brilhantes advogados criminalistas do Rio de Janeiro, Renato Moraes se suicidou na tarde desta segunda-feira (18), em um prédio em Ipanema, zona sul da cidade. Ex-diretor do Instituto dos Advogados do Brasil, era filho do saudoso criminalista Antonio Evaristo de Moraes Filho, que defendeu presos políticos na ditadura militar e o ex-presidente Fernando Collor na ação penal no Supremo Tribunal Federal, derivada da CPI do “caso PC Farias”, que resultou no processo de impeachment. Renato era torcedor doente do Flamengo e tinha uma filha de 18 anos. Estava separado e brigando na justiça com a ex-mulher.

clica