Direito Global
blog

Badaró: um competente cantor lírico

Ao tomar conhecimento, por meio do site direitoglobal.com.br, da aprovação pela Câmara Municipal de Minas Novas, no Alto Jequitinhonha, em Minas Gerais, do projeto de lei número 44/2020, criando o “Memorial das Terras do Fanado”, em homenagem ao saudoso senador da República, Murilo Paulino Badaró, o ex-conselheiro federal da OAB por Minas Gerais, José Murilo Procópio, fez o seguinte comentário sobre o senador: “Maravilha. É um exemplo de cidadania e amor às origens. Conheci e fui amigo do Murilo Badaró. Foi também competente cantor lírico”.

Segundo o neto de Murilo Paulino Badaró, o conselheiro federal pela OAB do Distrito Federal e Ouvidor Geral Adjunto do Conselho Federal da OAB, Rodrigo Badaró de Castro, “meu avô cantou muito bem. Ricardo Villas era o nome artístico do barítono Murilo”.

O ex-integrante do TRT de Minas Gerais e ex-dirigente da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB), Antonio Fernandes Guimarães também comentou: “Murilo Badaró foi um orador de extrema fineza e ácida resposta quando provocado”.

O ex-presidente da OAB de Minas Gerais, Raimundo Cândido Junior, fez o seu comentário: “Obrigado por compartilhar! Minas Novas é também a terra de nascimento do saudoso Cardeal Arcebispo Dom Serafim Fernandes de Araújo, que só tinha o defeito de ser atleticano”. Abraço

clica