Direito Global
blog

Estupro de atriz

O Ministério Público Federal do Brasil (MPF) apresentou denúncia contra o ator argentino-brasileiro Juan Darthés , 56, pelo estupro do qual é acusado por Thelma Fardin, 28. Juan Darthés, pseudónimo de Juan Rafael Pacífico Dabul nasceu em São Paulo no dia 28 de outubro de 1964.

A atriz acusa Darthés, famoso por ter feitos diversas novelas argentinas, de tê-la violado em 2009, na Nicarágua, durante a turnê internacional de um programa infantil no qual os dois atuavam. À época, ela tinha 16 anos, e ele, 45. Ao denunciar publicamente o ator, Fardin deu início ao movimento #MeToo na Argentina em 2018. Outras quatro atrizes acusam Darthés de estupro.

Após a revelação de Fardin, a promotoria da Nicarágua denunciou o ator e pediu sua prisão e captura internacional. Darthés então fugiu da Argentina para o Brasil, onde nasceu. Na época, atrizes brasileiras, como Bruna Linzmeyer e Débora Falabella, iniciaram uma manifestação contra a vinda do ator ao Brasil.

Famoso na Argentina, Juan Darthés está foragido no Brasil desde 2018, após ter sido denunciado por estupro Imagem: Reprodução/Instagram Com a colaboração do Ministério público argentino, a Justiça nicaraguense iniciou um processo penal contra Darthés e ordenou sua captura internacional e extradição. A Interpol também emitiu um alerta vermelho contra o ator.

Com a decisão do MPF, abre-se a possibilidade de Darthés ser julgado no Brasil — pela Constituição, o país não pode extraditar seus cidadãos, mas o Código Penal prevê que estes sejam julgados em território brasileiro por crimes cometidos no exterior. Tanto o pedido de captura quanto o de extradição do ator permanecem vigentes..

clica