Direito Global
blog

Fio de alta tensão

O Juízo da Vara Cível da Comarca de Acrelândia (AC) concedeu antecipação da tutela para determinar à concessionária de energia elétrica que realize pagamento de pensão mensal ao genitor de um jovem morto em acidente com um fio de alta tensão, na sede daquele município.

A decisão, da juíza de Direito Kamylla Acioli, respondendo pela unidade judiciária considerou, entre outros, que o autor comprovou preencher os requisitos exigidos em lei para a concessão da medida de urgência.

A parte autora alegou que seu filho, conduzindo uma motocicleta, a trabalho, colidiu contra cabos de energia elétrica que estavam cruzando o chamado Ramal Linha 3, no município de Acrelândia, sofrendo morte instantânea.

O genitor também alegou que o filho era o único provedor do sustento da casa, tendo sua morte impactado profundamente na condição financeira da família, inclusive implicando em insegurança alimentar.

Dessa forma, foi requerido o pagamento de indenização por danos morais, em decorrência da morte, além do pagamento de pensão mensal, com pedido de antecipação da tutela (aquilo que se busca na Justiça) de urgência.

clica