Direito Global
blog

Melhores candidatos para STJ ficam de fora da lista do Planalto

Messod Azulay Neto e Ney Bello têm “99%” de chance de serem os escolhidos pelo presidente da República, Jair Bolsonaro para as duas vagas de desembargador no Superior Tribunal de Justiça. Azulay preside o TRF2 e Ney Bello integra o TRF1. Segundo um especialista em tribunais, Bolsonaro escolheu os dois mais votados nas listas do STJ, com maior cacife político preterindo os dois melhores candidatos: os desembargadores federais Paulo Sérgio Domingues e Fernando Quadros.

clica